ALUNOS DO 9º ANO NÃO SABEM O CONTEÚDO DE MATEMÁTICA QUE DEVERIAM APRENDER

26/02/2015 15:27:34

 

Alunos do 9º ano do ensino fundamental de Catanduva estão na lista dos estudantes de 89,2% dos municípios do país que não sabem todo o conteúdo de matemática adequado para o ano escolar. É o que mostra o levantamento feito pela Organização Todos pela Educação, que estipulou metas para os municípios com base no resultado da Prova Brasil.

Os dados fazem parte das metas para 2013. Em Matemática, Catanduva mantinha a expectativa de que pelo menos 37% dos alunos atingissem pontuação mínima na avaliação de rendimento escolar, na disciplina Matemática. Ou seja, que essa porcentagem conseguisse garantir mais de 300 pontos na avaliação. No entanto, apenas 23% dos estudantes da antiga 8ª série conseguiram garantir essa pontuação.
As metas foram estipuladas desde 2007 e, em nenhum ano, Catanduva conseguiu um número suficiente de alunos que atingissem os números satisfatórios.

O aluno do 9º ano que acerta menos de 300 pontos significa não saber ler tabelas, comparar medidas de grandezas ou estabelecer relação entre unidades de medida de tempo. "Professores pouco qualificados e falta de infraestrutura nas escolas, como laboratórios bem equipados, prejudicam a qualidade do ensino nos anos finais do ensino fundamental", afirmou Alejandra Meraz Velasco, coordenadora geral da ONG.

Português
A realidade é outra quando se fala em português. Dos alunos do 9º ano do Ensino Fundamental de Catanduva, 37% sabem o que é necessário na disciplina, pouco acima da meta estabelecida para 2013 que foi de 35,9%. Os dados do desempenho dos estudantes foram divulgados na semana passada pelo Todos Pela Educação.
A pesquisa mostra dados dos municípios tanto no ensino estadual quanto no municipal.

Melhor
Enquanto o 9º ano apresenta um fraco desempenho no conhecimento da matemática, os meninos e meninas que estudam no 5º ano, antiga 4ªsérie, tem evoluído.
A meta estipulada para 2013 era de que pelo menos 56,3% dos estudantes garantissem pontuação adequada – acima de 200 pontos – em Português. O resultado foi de 66% dos alunos alcançaram a média.
Em matemática, que a pontuação deveria ser de mais de 225 pontos, a meta era de 44,7% e o resultado foi de 65,3.
A avaliação e metas da Todos Pela Educação tem como base a Prova Brasil. Aplicada a cada dois anos a alunos de 5º e 9º anos, ela é a avaliação oficial do governo para todas as escolas públicas e os resultados servem para a formulação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que mede a qualidade do ensino no município e colabora para o diagnóstico e o planejamento do trabalho pedagógico da escola.


Resultado do Município
Na Prova Brasil, o desempenho de Catanduva para o 5º ano foi superior as pontuações estabelecidas pelas metas do Todos pela Educação.

No contexto geral, somando todas as escolas, a pontuação do município – que inclui escolas estaduais e municipais – foi 220.43 pontos e de 246.22 em português e matemática, respectivamente.

Em contrapartida, o 9º ano teve pontuação relativamente baixa. O que deveria ser acima de 275 pontos em português, não passou de 254.28. Em matemática, a pontuação teria de passar os 300 pontos, mas foi avaliada em 262.29.


http://www.todospelaeducacao.org.br/


Imprimir

Clique nas fotos para ampliar.