ARUJÁ BIRITIBA FERRAZ GUARAREMA ITAQUÁ MOGI POÁ SALESÓPOLIS STA.ISABEL SUZANO TEL:.011  9 9766 5760

 

. . . . Redação:11 - 9 9766 5760 

MOGI - PROJETO DE CICLOTURISMO DE MOGI DAS CRUZES É APROVADO PELO GOVERNO DO ESTADO

13/08/2019 17:15:44

Mogi das Cruzes acaba de ter mais um projeto aprovado pelo programa Município de Interesse Turístico (MIT), da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo. A proposta que recebeu apoio do Governo do Estado se refere ao ano de 2019 e prevê melhorias nas ciclorrotas existentes na cidade. O município vai receber o valor de R$ 395.930,91 para a execução das ações previstas.

O projeto cadastrado prevê a implantação de placas de sinalização e também de lixeiras de alvenaria nas ciclorrotas do município. O objetivo é melhorar a visualização e a própria divulgação dessas rotas, além de solucionar os problemas com descarte irregular de lixo em estradas vicinais utilizadas por ciclistas. A sinalização visa ainda beneficiar pedestres, moradores do entorno e propriedades rurais que atendem turistas.

Também está prevista no projeto a construção de uma pista de pump track, em local ainda a ser definido, em diálogo e parceria com os coletivos de ciclistas na cidade. O projeto original previa a construção de duas pistas, sendo uma no Parque Professor Botyra Camorim Gatti e outra no Parque Leon Feffer, porém, com o contingenciamento por parte do Governo do Estado do valor máximo a ser destinado para cada município, a cidade terá que adequar as intervenções previstas. O valor inicialmente pleiteado pelo município era de R$ 600 mil.

“O que faremos agora é chamar uma nova reunião com os líderes dos coletivos, para estudarmos a alteração que precisaremos fazer no projeto, para então fazermos uma nova apresentação ao Governo do Estado”, explica o secretário municipal de Cultura e Turismo, Mateus Sartori.

O projeto também prevê a criação do Caminho dos Vales, uma interligação mapeada e 100% sinalizada entre o Caminho do Sal e a Rota da Luz. Assim, será possível sair de São Bernardo do Campo e seguir até Aparecida do Norte por trilhas e estradas vicinais. “Além de audacioso, o projeto visa levar desenvolvimento econômico para propriedades nessas localidades e divulgará ainda mais as belezas naturais do município”, detalha Sartori.

O secretário lembra ainda que o projeto foi desenvolvido a partir do Fórum Setorial de Cicloturismo, que foi realizado em agosto do ano passado no Centro Cultural de Mogi das Cruzes, com a presença do coletivo MTB Mogi, que reúne membros de mais de 20 grupos de ciclistas da cidade e o prefeito Marcus Melo. O encontro se deu no âmbito do programa Diálogo Aberto.

“Desde então montou-se uma comissão de apoio, que nos ajudou e nos orientou na elaboração do projeto, que posteriormente foi aprovado no Conselho Municipal de Turismo”, explica Sartori.

Sobre o cicloturismo em Mogi

Mogi das Cruzes recebe, em média, 45 mil visitantes por mês, considerando sábados, domingos e feriados. Pelo fato de ter mais de 60% de seu território em áreas de preservação ambiental, a cidade conta com mais de 250 quilômetros de trilhas e ciclorrotas, muitas delas utilizadas pelos visitantes amantes do ecoturismo e turismo de aventura, bem como a população em geral. Muitas dessas trilhas são utilizadas por profissionais do esporte para treinamentos e preparo para a participação de campeonatos.

A cidade é parte do circuito de inúmeros campeonatos do segmento, entre eles o campeonato paulista de DownHill, o KMTB Kailash, provas urbanas e diversos passeios ciclísticos realizados pela Prefeitura de Mogi das Cruzes. (Lívia de Sá)


Imprimir

 




Portal Alto Tietê

 

 

O portal Alto tietê se destaca entre os sites da região por possuir além do mais completo guia de Compras e Serviço, conteúdo referente a diversos assuntos.


E-mail:portal@portalaltotiete.com.br

Menu

E-mail

  • Redação: redacao@portalaltotiete.com.br
  • Financeiro:financeiro@portalaltotiete.com.br
  • Emprego:emprego@portalaltotiete.com.br
  • Jornalista Responsável: Ana Nery
  • ananery@portalaltotiete.com.br